Centro Internacional de Nagoya

Quero SABER , FAZER? NAVI

Mudança de cor

Tamanho da fonte

  • S
  • M
  • L
Quero SABER , FAZER? NAVI

 Quero SABER , FAZER? NAVI

Notícias e Eventos

Uma vila de arte em Nagoya! Ichino Tōru, Ichino Tatsuoki e Ichino Takao - Cores que vivem por 100 anos (名古屋に芸術村を!市野亨と龍起・鷹生~100年の命宿る色彩)

2022.10.28

P6_b_IchinoToru.jpg

Esta exposição apresenta as obras de Ichino Tōru (1910-1966), um artista de Nihonga (pintura japonesa) que sonhava em estabelecer uma vila de artistas em Nagoya, e seus filhos Tatsuoki e Takao.

Há cerca de um século, o aspirante a artista, Tōru estudou com o proponente da "arte local", Kawabata Ryūshi.

Após a guerra, Tōru converteu um antigo quartel do exército no distrito de Chikusa em um estúdio de 180 metros quadrados, um local que veio a ser conhecido como Ageha-cho (com base no poema de seu mentor, Kawabata), com o objetivo de criar uma vila onde seus colegas artistas poderiam se reunir.

Com suas grandes obras no gênero de flores e pássaros, ousadas, mas delicadas e em cores vivas, Tōru veio para liderar a cena de pintura pós-guerra de Nagoya.

Nomeado em homenagem a Kawabata, o filho de Tōru, Tatsuoki (1942-1997) era um artista nato.

Pai e filho estavam completamente cativados pela beleza das cores e na vida dentro da pintura de Nihonga. Tatsuoki tornou-se aprendiz do artista de Nihonga Takayama Tatsuo e foi ativo na prestigiosa Nitten (Exposição de Belas Artes do Japão), mas faleceu aos 55 anos, a mesma idade de seu pai. No entanto, ainda hoje, o brilho de suas obras continua a fascinar.

Nesta exposição, estarão expostas obras do irmão mais novo de Tatsuoki, Takao (nascido em 1947), que ainda atua como pintor de Nihonga. O estilo de Takao é amplo, desde trabalhos calmos com temas de personagens e animais da literatura e mitologia até trabalhos que refletem os tempos.

As três obras-primas de Tōru, que escaparam do tufão Isewan e foram estimadas pela família Ichino por muito tempo, serão reveladas após quase 100 anos. O trabalho em grande escala do jovem Toru sobre o tema das árvores e pássaros em sua cidade natal (Ama-gun) mostra o brilho duro, mas bonito da vida. Aprecie o brilho das pinturas japonesas que ganham vida, junto com a coleção Tatsuoki Ichino do Museu de Arte de Furukawa.

Período: até 18 (domingo) de Dezembro das 10h às 17h (entrada permitida até as 16h30). Fechado às segundas-feiras.

Local: Furukawa Bijutsukan (Museu de Arte Furukawa) - Nagoya-shi Chikusa-ku

Acesso: 3 minutos a pé da saída 1 da estação [Ikeshita] do metrô da linha Higashiyama; 5 minutos a pé da saída 1 da estação [Kakuozan] do metrô da linha Higashiyama.

Ingresso: adultos 1.000 ienes; estudantes universitários e do ensino médio 500 ienes; crianças até o ensino fundamental gratuito. Descontos para ingressos combinados.

Website: https://www.furukawa-museum.or.jp/ (japonês) Imagem: Ichino Tōru, Shichisaichō (七彩鳥), 1942

Notícias e Eventos

Copyright © Nagoya International Center All rights reserved.