Centro Internacional de Nagoya

Quero SABER , FAZER? NAVI

Mudança de cor

Tamanho da fonte

  • S
  • M
  • L
Quero SABER , FAZER? NAVI

 Quero SABER , FAZER? NAVI

Informação de Vida Cotidiana

Dúvidas do cotidiano: O seguro de saúde não cobre o tratamento de uma lesão de tatuagem cosmética? (外国人暮らしのQ&A「眉毛アートメイク」によるけがの治療に健康保険は使えない?

2020.06.25

businesswoman_b1_nayami.pngPergunta: Fiz tatuagens cosméticas nas sobrancelhas e foi injetado tinta na derme, o que resultou em muito inchaço ao redor dos olhos. Tive o inchaço tratado em um hospital, mas me disseram que não poderia usar o seguro de saúde. Por que? Onde posso enviar a conta do meu tratamento?



Resposta: Nesse caso, o inchaço ao redor dos olhos para o qual precisou de tratamento médico, resultou do procedimento de injetar a tinta sob a pele, de modo que os sintomas apareceram após o procedimento realizado pelo profissional de tatuagem cosmético, uma terceira pessoa (daisansha). Presume-se que a equipe do hospital determinou que, quando existe uma terceira pessoa (kagaisha) que causou a lesão ou doença, esta lesão ou doença não pode ser diretamente coberta pelo seguro de saúde de um hospital.

Isso ocorre porque, quando uma lesão é causada por terceiros, em princípio, considera-se que a parte que lesou deve arcar com o custo do tratamento médico, por exemplo, quando alguém é ferido em um acidente de carro, briga, quando mordido por um cachorro de outra pessoa, ou por um objeto que caiu de um canteiro de obras, e assim por diante.

No entanto, mesmo em situações em que uma lesão foi causada por terceiros, ainda é possível receber tratamento no seguro de saúde, desde que a lesão não tenha ocorrido no trabalho ou no trajeto para o trabalho (serão lesões relacionadas ao trabalho / Rosai). Para fazer isso, é preciso declarar no balcão do hospital que a lesão foi causada por terceiros e também enviar uma Notificação de Lesão por Ato de Terceiros (Daisansha no Koi ni yoru shobyo todoke) ao prestador do seguro de saúde. O prestador do seguro de saúde exigirá o pagamento das respectivas despesas médicas à terceira pessoa.

Nesse caso, que não foi utilizado o seguro de saúde para as despesas de tratamento médico, a responsabilidade do praticante de tatuagem cosmética será questionada, portanto, precisará apresentar evidência que demonstrem a relação causal entre seus sintomas e o procedimento cosmético. Para que a negociação decorra sem problemas, é aconselhável realizar uma consulta legal com um advogado ou outro especialista.

Além disso, a tatuagem cosmética é considerada um procedimento médico no Japão. Caso tenha problemas com um profissional em particular, consulte o centro de saúde da jurisdição das instalações do profissional.

Notícias e Eventos

Copyright © Nagoya International Center All rights reserved.